Tiago 1.12-15

Crer e Observar - Carta de Tiago

TIAGO 1.12-15 "Bem-aventurado o homem que suporta, com perseverança, a provação; porque, depois de ter sido aprovado, receberá a coroa da vida, a qual o Senhor prometeu aos que o amam. Ninguém, ao ser tentado, diga: Sou tentado por Deus; porque Deus não pode ser tentado pelo mal e ele mesmo a ninguém tenta. Ao contrário, cada um é tentado pela sua própria cobiça, quando esta o atrai e seduz. Então, a cobiça, depois de haver concebido, dá à luz o pecado; e o pecado, uma vez consumado, gera a morte."

Provados ou tentados devemos ser fieis a Cristo!


É muito mais que feliz o cristão que a tudo suporta em sua vida com perseverança. No final de tudo, sendo tal cristão tendo sua fé aprovada, será coroado por Deus. Mas, uma coisa é extremamente essencial para que a vida cristã faça sentido: Amar a Deus acima de tudo! Nesse ponto, provação está no sentido geral de provas boas e ruins. Lutas que promovem o nosso crescimento na fé e provas que promovem nossa queda na fé. As provações que vem diretamente de Deus são boas; vem de um pai bondoso que corrige o filho a quem ama (v12).



Por outro lado, ninguém ao passar por uma prova ruim, ou que estimula o pecado, diga que isso veio de Deus. Deus é santo! Santo quer dizer separado. Ele não tenta a ninguém, da mesma forma que não pode ser tentado. As tentações nos testam externamente, pelas ações do mundo e de Satanás e de maneira principal, internamente, por nossa carne onde reside o pecado, depois da queda no paraíso (v13)



Somos tentados porque temos desejos pecaminosos com os quais nos afeiçoamos. Embora nossos pais edênicos, Adão e Eva, tenham sido criados em santidade, eles estavam, como nós, debaixo de teste (Gn 2.15-17). Eles eram tentados externamente, mas quando desejaram algo proibido por Deus, eles caíram. Como seus descendentes, agimos da mesma maneira, tendo cobiça por aquilo que Deus proíbe (v14).


Como em um caso de adultério, e essa parece ser a comparação que Tiago faz aqui, nossa cobiça dá à luz o pecado. Pecado é toda e qualquer falta de conformidade com a santa Lei de Deus e seu salário é a morte (Rm 6.23)! Não queremos mais a morte. Temos que mortificar a nossa carne com as suas paixões. Lembremos de que mesmo passando por provações e tentações, todo o bem procede de Deus (v15).

Rev. Emerson Silva.

Nenhum comentário: